Foi aqui que me inspirei!

Dubai

Local: Dubai

Livro: Súplica em Olhos Mortos

Onde aparece: Capítulo 20 – No mundo árabe

Hoje, no “Foi aqui que me inspirei”, vou falar de Dubai, cidade que me cativou desde o primeiro momento que a conheci. Isso foi em 2010, quando morava no Cazaquistão e passei uma semana de férias nas calorosas terras árabes depois de um duro inverno asiático.

Dubai é incrivelmente interessante, o que defino como a Disney World de adultos. Tudo parece um cenário, para onde quer que se olhe as estruturas parecem irreais. E por que não salientar a extravagância arquitetônica e mania de grandeza? Já naquela época, era lá que se encontrava o maior aquário do mundo dentro de um shopping, uma pista de ski dentro de um shopping, com teleférico e tudo, e claro, sem contar o maior prédio do mundo o Burj Khalifa, o qual mantem o título até os dias atuais. Não é por menos que a cidade me inspirou para que fosse cenário em meu livro, nem que por apenas três capítulos. 

            Quando escrevia a narrativa, em um determinado momento, precisava afastar Betina da trama principal e foi para lá que a mandei, onde trabalharia por algumas semanas. 

Essa passagem pode ser observada no capítulo 20, quando Betina chega ao hotel Burj Al Arab e descreve suas primeiras impressões do ostentoso lugar. 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s